Boi que não estressa responde melhor ao protocolo sanitário

13/03/2018
Boi que não estressa responde melhor ao protocolo sanitário

No Giro pelo Brasil desta terça, 13, o zootecnista José Inácio dos Santos Neto, coordenador de demanda da Boehringer Saúde Animal  para os estados da Bahia e Piauí (região Sul do estado), mostrou o treinamento que a companhia realiza frequentemente em propriedades parceiras.

A intenção é mostrar aos colaboradores das fazendas que, conhecendo melhor a espécie e as instalações com as quais trabalham, alinhando o serviço aos cinco domínios do bem estar animal, é possível aproveitar ao máximo o potencial de ganho de peso dos bovinos.

Quais são os 5 domínios do bem estar animal e como eles influenciam na produtividade da fazenda?

“Ele responde muito melhor (ao protocolo sanitário). Nós temos dados científicos e de campo que apontam que cada categoria animal responde da sua forma à vacina bem aplicada. Lembrando que dos cinco domínios do bem estar animal, um deles é estado sanitário adequado. Isso reflete lá na frente. Quando você vai vacinar ou vermifugar, o animal libera o hormônio cortisol, que é o hormônio do estresse. E ele não vai responder sanitariamente do jeito que precisamos. Se o animal não está imunizado, a agropecuária, os peões, todos nós vamos perder lá na frente”, recomendou José Inácio.

Para ilustrar o trabalho da empresa, o zootecnista enviou imagens do treinamento mais recente realizado na Agropecuária Ceolin, localizada em Correntina, no oeste baiano. Veja os detalhes clicando no player:

Veja também: