Gado precoce e com acabamento ideal melhora a carne produzida no PA e TO

11/10/2017
Gado precoce e com acabamento ideal melhora a carne produzida no PA e TO

No quadro Palavra do Gerente desta quarta, dia 11, o gerente regional de originação para os estados do Pará e Tocantins, Rodrigo Fagundes, comentou a evolução do Farol da Qualidade das unidades destes estados.

Entre agosto e setembro, destaque para aumento do volume de abate de animais precoces, com idade entre 0 e 2 dentes, cuja participação passou de 20,67% para 31,12%, um aumento 10,45% desta categoria. O abate de animais com gordura ideal, entre 3 e 4, também melhorou de 12,19% para 20,9%, um crescimento de 8,71%.

Com isto, o Farol da Qualidade também evoluiu. O quadrante verde saltou de 8,4% em agosto para 15,39% em setembro, uma melhoria de aproximadamente 7%. Segundo Rodrigo Fagundes, além da entrada de animais confinados na escala de abate, o cuidado dos pecuaristas do Pará e do Tocantins foi determinante para o bom resultado. Veja no vídeo abaixo as tabelas completas:

 

Veja também: