Com tecnologia inovadora, pecuarista poderá pesar o rebanho sem deslocar o gado até a balança

20 fevereiro 2019
download_20190220_113839

Nesta quarta, 20, o Giro do Boi recebeu em estúdio o empreendedor Pedro Coutinho, responsável pela startup Olho do Dono, uma ferramenta inovadora que irá viabilizar a pesagem de bovinos sem levá-los até a balança no curral. Ao programa, ele explicou como isto é possível.

“O boi vai passar na frente da câmera e, à medida em que passa, as câmeras capturam as imagens e fazem automaticamente toda a reconstrução 3D, extraindo mais de 500 indicadores do boi. Baseado nisso, a gente pesou 15 mil bois em todos o Brasil na balança e nas câmeras para fazer a calibragem delas e conseguir, a partir destas imagens, fazer a reconstrução 3D e apresentar o peso”, explicou. A tecnologia foi validada após um ano de conversas com pecuaristas, além de outros quatro de pesquisa e desenvolvimento até o lançamento da ferramenta.

Coutinho detalhou também o objetivo e para quais serviços a tecnologia será útil. O empresário lembrou que, de maneira geral, um rebanho de gado de corte no Brasil passa por duas pesagens ao ano, em maio e novembro, épocas de vacinação contra a febre aftosa em que lotes são obrigatoriamente deslocados ao curral. “Mas se acontecer alguma coisa no meio do caminho, como você vai mudar a ração, mudar de pasto, fazer o tratamento correto, vai identificar boi doente? O Olho do Dono foi criado pra isso, acompanhar com frequência e permitir ao pecuarista ter mais lucratividade com bem-estar animal também”, resumiu, ressaltando a dificuldade que muitos pecuaristas, sobretudo os proprietários de fazendas maiores, têm para levar seus animais até a balança no curral.

A ideia surgiu quando uma grande propriedade buscava identificar o valor de seu rebanho, estimado em 30 mil cabeças, mas com pesos variados por ter categorias diversas. Com dificuldade de fazer a pesagem de todos os animais, Coutinho apresentou a solução, inspirando-se em uma tecnologia similar a uma utilizada para o mesmo fim em minério de ferro.

Com o Olho do Dono, o produtor poderá precisar o peso de seus animais para corrigir desvios na produção, estimar valor do rebanho e também identificar o ponto ótimo de abate, economizando diárias em confinamento, por exemplo. Em fase final de testes para uso comercial pela empresa, a tecnologia será aplicada em 20 fazendas que demonstraram interesse na inovação, restando ainda algumas vagas a serem preenchidas pelo site http://olhododono.agr.br/.

De acordo com Pedro Coutinho, a tecnologia será fácil de ser manejada pelos colaboradores das fazendas, bastando ligar o conjunto de câmeras a um computador mesmo que este não tenha acesso a internet. Se a fazenda utilizar brincos de alta frequência nos animais, é possível inclusive individualizar as pesagens.

Atualmente, o Olho do Dono está calibrado para a pesagem de bovinos da raça Nelore, mas está entre as metas da empresa expansão para outras raças e outras espécies.

Veja os detalhes da inovadora ferramenta Olho do Dono na entrevista abaixo:

VEJA TAMBÉM

Confira os lotes em destaque do dia 22 de janeiro de 2020

Lotes de propriedades no Tocantins, Goiás, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os animais e Farol da Qualidade.

Vaca que sofreu estresse não transmite suas qualidades para a cria

Pecuarista deve entender os detalhes do desempenho da “melhor máquina de colheita de capim que existe”, que muitas vezes ainda sofre com estresse nutricional e térmico

Qual o “pulo do gato” para recuperar a produtividade em solos fracos?

5ª geração em uma família de produtores rurais, Mateus Arantes desenvolveu sistema de integração com plantio direto para solos arenosos

Que documentos devo ter para minha fazenda estar dentro da lei?

Papéis estão distribuídos entre as esferas possessória, fundiária, ambiental, trabalhista, empresarial e tributária

Com tecnologia inovadora, pecuarista poderá pesar o rebanho sem deslocar o gado até a balança

20 fevereiro 2019
download_20190220_113839

Nesta quarta, 20, o Giro do Boi recebeu em estúdio o empreendedor Pedro Coutinho, responsável pela startup Olho do Dono, uma ferramenta inovadora que irá viabilizar a pesagem de bovinos sem levá-los até a balança no curral. Ao programa, ele explicou como isto é possível.

“O boi vai passar na frente da câmera e, à medida em que passa, as câmeras capturam as imagens e fazem automaticamente toda a reconstrução 3D, extraindo mais de 500 indicadores do boi. Baseado nisso, a gente pesou 15 mil bois em todos o Brasil na balança e nas câmeras para fazer a calibragem delas e conseguir, a partir destas imagens, fazer a reconstrução 3D e apresentar o peso”, explicou. A tecnologia foi validada após um ano de conversas com pecuaristas, além de outros quatro de pesquisa e desenvolvimento até o lançamento da ferramenta.

Coutinho detalhou também o objetivo e para quais serviços a tecnologia será útil. O empresário lembrou que, de maneira geral, um rebanho de gado de corte no Brasil passa por duas pesagens ao ano, em maio e novembro, épocas de vacinação contra a febre aftosa em que lotes são obrigatoriamente deslocados ao curral. “Mas se acontecer alguma coisa no meio do caminho, como você vai mudar a ração, mudar de pasto, fazer o tratamento correto, vai identificar boi doente? O Olho do Dono foi criado pra isso, acompanhar com frequência e permitir ao pecuarista ter mais lucratividade com bem-estar animal também”, resumiu, ressaltando a dificuldade que muitos pecuaristas, sobretudo os proprietários de fazendas maiores, têm para levar seus animais até a balança no curral.

A ideia surgiu quando uma grande propriedade buscava identificar o valor de seu rebanho, estimado em 30 mil cabeças, mas com pesos variados por ter categorias diversas. Com dificuldade de fazer a pesagem de todos os animais, Coutinho apresentou a solução, inspirando-se em uma tecnologia similar a uma utilizada para o mesmo fim em minério de ferro.

Com o Olho do Dono, o produtor poderá precisar o peso de seus animais para corrigir desvios na produção, estimar valor do rebanho e também identificar o ponto ótimo de abate, economizando diárias em confinamento, por exemplo. Em fase final de testes para uso comercial pela empresa, a tecnologia será aplicada em 20 fazendas que demonstraram interesse na inovação, restando ainda algumas vagas a serem preenchidas pelo site http://olhododono.agr.br/.

De acordo com Pedro Coutinho, a tecnologia será fácil de ser manejada pelos colaboradores das fazendas, bastando ligar o conjunto de câmeras a um computador mesmo que este não tenha acesso a internet. Se a fazenda utilizar brincos de alta frequência nos animais, é possível inclusive individualizar as pesagens.

Atualmente, o Olho do Dono está calibrado para a pesagem de bovinos da raça Nelore, mas está entre as metas da empresa expansão para outras raças e outras espécies.

Veja os detalhes da inovadora ferramenta Olho do Dono na entrevista abaixo:

VEJA TAMBÉM

Lotes de propriedades no Tocantins, Goiás, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os animais e Farol da Qualidade.

Pecuarista deve entender os detalhes do desempenho da “melhor máquina de colheita de capim que existe”, que muitas vezes ainda sofre com estresse nutricional e térmico

5ª geração em uma família de produtores rurais, Mateus Arantes desenvolveu sistema de integração com plantio direto para solos arenosos

Papéis estão distribuídos entre as esferas possessória, fundiária, ambiental, trabalhista, empresarial e tributária

Animais foram terminados a pasto com média de peso maior que 20@ e 93% no Farol da Qualidade

Lotes de propriedades em São Paulo, Pará e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os animais e Farol da Qualidade.

5ª geração em uma família de produtores rurais, Mateus Arantes desenvolveu sistema de integração com plantio direto para solos arenosos

Programa de acasalamentos vai avaliar bateria de touros selecionada pelo criador e apontar melhor combinação para corrigir necessidades de cada plantel

Giro do Boi reúne todos os vídeos da série especial Pastagem de A a Z, conduzida pelo consultor Wagner Pires

Envie sua pergunta sobre cruzamento industrial de gado de corte para receber as dicas no novo quadro ‘Zadra Responde’

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE