Conhecer deficiências do plantel de matrizes é fundamental para escolher o touro certo

31 julho 2019
como-escolher-touro-ideal

Qual o período certo para preparar a estação de monta dentro de sua fazenda? Para o zootecnista formado pela Unesp de Botucatu e gerente de gado de corte da Semex, Antônio Carlos Sciamarelli Junior, a resposta está na compreensão de que planejar o manejo reprodutivo é algo a ser feito ao longo de todo o ano. O especialista foi o convidado especial do Giro do Boi desta quarta-feira, 31.

“A preparação da estação de monta vem o ano inteiro. Você falou em gestão e planejamento da fazenda. É apenas mais uma atividade dentro da fazenda que é muito importante. Está atrasado, mas se a pessoa não está planejando desde o ano passado nutrição, genética e reprodução fica em cima da hora para o pecuarista se ligar”, alertou.

Sciamarelli chamou atenção para a importância da mineralização das matrizes neste período pré-estação de monta, afirmando que o pecuarista deve fiscalizar, por exemplo, se as fêmeas estão consumindo o necessário para entrar na reprodução com bom escore corporal. O zootecnista falou também sobre a escolha dos touros que serão usados na monta ou na inseminação.

“Hoje não cabe mais a gente comprar comprar touro que não tem avaliação. […] Avaliação das características que são importantes para o desenvolvimento da pecuária. Desempenho, carcaça, precocidade, tem que sempre escolher touros que são acima da média do rebanho para você começar a estação de monta. Para você escolher estes touros, você tem que conhecer seu rebanho. Em que está estágio está o seu rebanho? O que você tem de defeitos em seu rebanho? Se é fertilidade, se é precocidade, se a sua vaca está emprenhando mais tarde. Uma parte disso é genética. Chega no frigorífico, peso menor, rendimento menor, uma parte disto é genética. Então a escolha do reprodutor começa de saber o que você tem na fazenda, quais são seus gargalos para você escolher os reprodutores que vão corrigir aquelas características que são necessárias para cada propriedade”, respaldou o zootecnista.

Veja a entrevista completa pelo vídeo abaixo:

Foto: Reprodução / Genex Brasil

VEJA TAMBÉM

Conheça o novo app de transmissões do Canal Rural

Aplicativo Lance Rural permite ao usuário utilizar outras funções do celular enquanto acompanha eventos como leilões, palestras, dias de campo e julgamentos, além da tv ao vivo

Qual a diferença de trato do boi meio-sangue Angus para o Brangus ⅝?

Zootecnista Alexandre Zadra explicou que quanto maior o grau de sangue europeu, mais exigente é o animal em relação à nutrição

Chove no Nordeste no fim de semana; no Sul, temporais ocorrem a partir de 2ª

CE, RN, PI e MA deverão ver chuvas com certa intensidade a partir desta 6ª; no Sudeste, precipitações podem causar transtornos no sábado

Conheça os “anjos das estrada de terra” do MT

Produtores criaram associação para socorrer veículos atolados na Estrada do Matão, que liga Pontes e Lacerda-MT à Bolívia

Conhecer deficiências do plantel de matrizes é fundamental para escolher o touro certo

31 julho 2019
como-escolher-touro-ideal

Qual o período certo para preparar a estação de monta dentro de sua fazenda? Para o zootecnista formado pela Unesp de Botucatu e gerente de gado de corte da Semex, Antônio Carlos Sciamarelli Junior, a resposta está na compreensão de que planejar o manejo reprodutivo é algo a ser feito ao longo de todo o ano. O especialista foi o convidado especial do Giro do Boi desta quarta-feira, 31.

“A preparação da estação de monta vem o ano inteiro. Você falou em gestão e planejamento da fazenda. É apenas mais uma atividade dentro da fazenda que é muito importante. Está atrasado, mas se a pessoa não está planejando desde o ano passado nutrição, genética e reprodução fica em cima da hora para o pecuarista se ligar”, alertou.

Sciamarelli chamou atenção para a importância da mineralização das matrizes neste período pré-estação de monta, afirmando que o pecuarista deve fiscalizar, por exemplo, se as fêmeas estão consumindo o necessário para entrar na reprodução com bom escore corporal. O zootecnista falou também sobre a escolha dos touros que serão usados na monta ou na inseminação.

“Hoje não cabe mais a gente comprar comprar touro que não tem avaliação. […] Avaliação das características que são importantes para o desenvolvimento da pecuária. Desempenho, carcaça, precocidade, tem que sempre escolher touros que são acima da média do rebanho para você começar a estação de monta. Para você escolher estes touros, você tem que conhecer seu rebanho. Em que está estágio está o seu rebanho? O que você tem de defeitos em seu rebanho? Se é fertilidade, se é precocidade, se a sua vaca está emprenhando mais tarde. Uma parte disso é genética. Chega no frigorífico, peso menor, rendimento menor, uma parte disto é genética. Então a escolha do reprodutor começa de saber o que você tem na fazenda, quais são seus gargalos para você escolher os reprodutores que vão corrigir aquelas características que são necessárias para cada propriedade”, respaldou o zootecnista.

Veja a entrevista completa pelo vídeo abaixo:

Foto: Reprodução / Genex Brasil

VEJA TAMBÉM

Aplicativo Lance Rural permite ao usuário utilizar outras funções do celular enquanto acompanha eventos como leilões, palestras, dias de campo e julgamentos, além da tv ao vivo

Zootecnista Alexandre Zadra explicou que quanto maior o grau de sangue europeu, mais exigente é o animal em relação à nutrição

CE, RN, PI e MA deverão ver chuvas com certa intensidade a partir desta 6ª; no Sudeste, precipitações podem causar transtornos no sábado

Produtores criaram associação para socorrer veículos atolados na Estrada do Matão, que liga Pontes e Lacerda-MT à Bolívia

Modelos mais básicos de cruzamentos podem reduzir um ano do ciclo do boi, mas pecuarista deve estar organizado para intensificar tanto produção quanto gestão

Como a forrageira é de ciclo curto, pecuarista deve intensificar os tratos; veja ainda como controlar as plantas daninhas murici e capim rabo-de-burro

Zootecnista Alexandre Zadra explicou que quanto maior o grau de sangue europeu, mais exigente é o animal em relação à nutrição

CE, RN, PI e MA deverão ver chuvas com certa intensidade a partir desta 6ª; no Sudeste, precipitações podem causar transtornos no sábado

Produtores criaram associação para socorrer veículos atolados na Estrada do Matão, que liga Pontes e Lacerda-MT à Bolívia

Como a forrageira é de ciclo curto, pecuarista deve intensificar os tratos; veja ainda como controlar as plantas daninhas murici e capim rabo-de-burro

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE