No Brasil, estimativa é de que apenas 15% das fazendas tenham balança e tronco de contenção

11 abril 2019
tronco-de-contencao-balanca-fazendas-brasil

Nesta quinta, 11, o Giro do Boi recebeu como convidado especial o diretor da Açôres Balanças e Troncos, Gabriel Hauly. O empresário reforçou a importância das balanças de precisão e troncos de contenção para uma pecuária produtiva e competitiva por conta da relevância do conjunto como ferramenta de gestão.

Hauly alertou para o número que aponta que, no Brasil, apenas 15% das fazendas de pecuária possuem tronco de contenção e balança. A estimativa pode ser ainda mais alarmante, pois, de acordo com o próprio empresário, em boa parte das propriedades que possuem, a estrutura e o equipamento estão em estados de conservação inadequados. “Isso tem deixado muito preocupado realmente porque o único celeiro do mundo que possa produzir carne, e de qualidade, é o Brasil”, frisou.

Gabriel salientou ainda que os equipamentos mais modernos, automatizados, podem melhorar a produtividade do manejo feito na fazenda. Enquanto a pesagem de um animal na balança mecânica leva, em média, um minuto e meio, no tronco automático é possível fazer apenas a pesagem em cinco a seis segundos. Em serviços mais complexos, o empresário afirmou que é possível manejar até 120 bovinos por hora. “É fantástico, com apenas um operador fazendo pesagem eletrônica, fazendo contenção, vacina, tudo ao mesmo tempo”, confirmou.

Veja a entrevista completa de Gabriel Hauly ao Giro do Boi pelo vídeo abaixo:

Foto: Divulgação

VEJA TAMBÉM

Veja imagens do Dia de Campo da Fazenda Barra, em Cassilândia-MS

Propriedade é referência na terminação de animais cruzados, em que aproveita a valorização da arroba pelo Protocolo 1953

Confira as fazendas em destaque do dia 15 de julho de 2019

Fazendas localizadas em Goiás, Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Com desembolso somente após abate, boitel em SP oferece 4 modelos de negócios a pecuaristas

Unidade no município de Castilho atende criadores com propriedades em São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiás e Minas Gerais

Aplicativo ajuda no cálculo do custo de produção e margem de ganho

Software foi desenvolvido no formato de planilha de Excel e lançado em 2017; pesquisador da Embrapa dá dicas de preenchimento correto dos dados para gerar resultados mais precisos

No Brasil, estimativa é de que apenas 15% das fazendas tenham balança e tronco de contenção

11 abril 2019
tronco-de-contencao-balanca-fazendas-brasil

Nesta quinta, 11, o Giro do Boi recebeu como convidado especial o diretor da Açôres Balanças e Troncos, Gabriel Hauly. O empresário reforçou a importância das balanças de precisão e troncos de contenção para uma pecuária produtiva e competitiva por conta da relevância do conjunto como ferramenta de gestão.

Hauly alertou para o número que aponta que, no Brasil, apenas 15% das fazendas de pecuária possuem tronco de contenção e balança. A estimativa pode ser ainda mais alarmante, pois, de acordo com o próprio empresário, em boa parte das propriedades que possuem, a estrutura e o equipamento estão em estados de conservação inadequados. “Isso tem deixado muito preocupado realmente porque o único celeiro do mundo que possa produzir carne, e de qualidade, é o Brasil”, frisou.

Gabriel salientou ainda que os equipamentos mais modernos, automatizados, podem melhorar a produtividade do manejo feito na fazenda. Enquanto a pesagem de um animal na balança mecânica leva, em média, um minuto e meio, no tronco automático é possível fazer apenas a pesagem em cinco a seis segundos. Em serviços mais complexos, o empresário afirmou que é possível manejar até 120 bovinos por hora. “É fantástico, com apenas um operador fazendo pesagem eletrônica, fazendo contenção, vacina, tudo ao mesmo tempo”, confirmou.

Veja a entrevista completa de Gabriel Hauly ao Giro do Boi pelo vídeo abaixo:

Foto: Divulgação

VEJA TAMBÉM

Propriedade é referência na terminação de animais cruzados, em que aproveita a valorização da arroba pelo Protocolo 1953

Fazendas localizadas em Goiás, Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Unidade no município de Castilho atende criadores com propriedades em São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiás e Minas Gerais

Software foi desenvolvido no formato de planilha de Excel e lançado em 2017; pesquisador da Embrapa dá dicas de preenchimento correto dos dados para gerar resultados mais precisos

Frente fria vai embora e temperatura deve subir em estados do Centro-Oeste, Norte e Sudeste do Brasil, com máximas que podem chegar aos 35º C

Animais abatidos no Protocolo 1953 foram enviados por fazenda localizada no município de Cáceres, estado do Mato Grosso

Software foi desenvolvido no formato de planilha de Excel e lançado em 2017; pesquisador da Embrapa dá dicas de preenchimento correto dos dados para gerar resultados mais precisos

Propriedade é referência na terminação de animais cruzados, em que aproveita a valorização da arroba pelo Protocolo 1953

Gerente do Rabobank Brasil aponta as duas primeiras medidas para o produtor transformar sua fazenda em uma empresa rural

Fazendas localizadas em Goiás, Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE