Perda de peso pós desmame é dinheiro que vai embora, afirma professor da Unesp

16 abril 2018
bezerro - 03

Nesta segunda, 16, o Giro do Boi levou ao ar entrevista com o mestre e doutor em zootecnia Ricardo Reis, professor da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias da Unesp, Campus de Jaboticabal. Ele tratou de problemas identificados na recria de animais no Brasil, “um assunto fundamental para o sucesso da pecuária de corte”, classificou o professor.

“Os ganhos adicionais obtidos em uma boa cria podem ser perdidos nessa transição entre a desmama no período seco até o início do período de águas, quando há um incremento do ganho novamente em função do pasto de qualidade. Essa perda de ganho de peso nesse intervalo compromete a sequência de tudo o que foi investido na cria com genética, nutrição da vaca… Então todo esse aspecto tem que ter uma continuidade, o animal não pode ganhar peso e depois ser submetido a um plano nutricional inferior e perder peso. Isso é dinheiro que está indo embora”, resumiu Reis.

Ainda de acordo com o professor, caso o pecuarista dê sequência dos investimentos feitos na cria, é possível fazer com que animais Nelore de boa qualidade genética ganhem até 1,1 kg por dia na recria, chegando às portas da fase de engorda com 400 kg. “Há um resultado extremamente positivo desta suplementação na fase pós-desmama e, na sequência, em pasto de qualidade. Nós temos estudo que mostra ganho de peso de animais a pasto de 800 g a até 1,1 kg, variando em função da qualidade do pasto e do nível de suplemento que nós fornecemos. Animais Nelore de boa qualidade genética podem chegar ao final da recria com 380 a 400 kg, então há um benefício por todas as fases”, apresentou o professor.

Confira a entrevista completa assistindo ao vídeo abaixo:

VEJA TAMBÉM

Confira as fazendas em destaque do dia 21 de janeiro de 2019

Fazendas nos estados do Pará, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Região norte de MT tem previsão de temporais para o fim de semana

Precipitações no local já atrapalharam o embarque de gado gordo desde a última semana, quando chegaram a 150 mm; saiba como se programar para evitar problemas com o transporte

Escrituração zootécnica: como transformar dados em atitudes na fazenda?

Anotar é importante, mas ainda são poucos os pecuaristas que registram seus indicadores mais importantes. Se você não faz escrituração zootécnica na sua fazenda, veja as dicas de Antônio Chaker

Confira as fazendas em destaque do dia 18 de janeiro de 2019

Fazendas nos estados do Rondônia, São Paulo Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Perda de peso pós desmame é dinheiro que vai embora, afirma professor da Unesp

16 abril 2018
bezerro - 03

Nesta segunda, 16, o Giro do Boi levou ao ar entrevista com o mestre e doutor em zootecnia Ricardo Reis, professor da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias da Unesp, Campus de Jaboticabal. Ele tratou de problemas identificados na recria de animais no Brasil, “um assunto fundamental para o sucesso da pecuária de corte”, classificou o professor.

“Os ganhos adicionais obtidos em uma boa cria podem ser perdidos nessa transição entre a desmama no período seco até o início do período de águas, quando há um incremento do ganho novamente em função do pasto de qualidade. Essa perda de ganho de peso nesse intervalo compromete a sequência de tudo o que foi investido na cria com genética, nutrição da vaca… Então todo esse aspecto tem que ter uma continuidade, o animal não pode ganhar peso e depois ser submetido a um plano nutricional inferior e perder peso. Isso é dinheiro que está indo embora”, resumiu Reis.

Ainda de acordo com o professor, caso o pecuarista dê sequência dos investimentos feitos na cria, é possível fazer com que animais Nelore de boa qualidade genética ganhem até 1,1 kg por dia na recria, chegando às portas da fase de engorda com 400 kg. “Há um resultado extremamente positivo desta suplementação na fase pós-desmama e, na sequência, em pasto de qualidade. Nós temos estudo que mostra ganho de peso de animais a pasto de 800 g a até 1,1 kg, variando em função da qualidade do pasto e do nível de suplemento que nós fornecemos. Animais Nelore de boa qualidade genética podem chegar ao final da recria com 380 a 400 kg, então há um benefício por todas as fases”, apresentou o professor.

Confira a entrevista completa assistindo ao vídeo abaixo:

VEJA TAMBÉM

Fazendas nos estados do Pará, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Precipitações no local já atrapalharam o embarque de gado gordo desde a última semana, quando chegaram a 150 mm; saiba como se programar para evitar problemas com o transporte

Anotar é importante, mas ainda são poucos os pecuaristas que registram seus indicadores mais importantes. Se você não faz escrituração zootécnica na sua fazenda, veja as dicas de Antônio Chaker

Fazendas nos estados do Rondônia, São Paulo Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Fêmeas vieram de fazenda no Mato Grosso e alcançaram a marca de 100% Verde no Farol da Qualidade

Consultor relata problemas para produtores que não concluíram seu Cadastro Ambiental Rural e explica ainda a prorrogação da adesão ao Programa de Regularização Ambiental, o PRA

Fazendas nos estados do Pará, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Publicação está em consonância com os manuais de boas práticas de manejo lançados e atualizados pelo Grupo Etco e reúnes as informações mais importantes de cada um dos livretos; faça o download

Pecuarista deve fazer download do Termo de Adesão e entregar assinado aos compradores de gado das unidades da indústria; veja como tirar suas dúvidas sobre o processo

Cartaz traz dicas para a peonada manejar o gado de acordo com as boas práticas; faça o download para impressão e distribua pelas instalações de sua propriedade

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE