Cursos de inglês no agro ganham força no Brasil

20 março 2019
ingles para o agro

Nesta quarta-feira, 20, o Giro do Boi recebeu no estúdio a professora de inglês, Rízia Prado, para falar de uma tendência que está cada vez mais presente no cotidiano dos profissionais que trabalham no agronegócio brasileiro, a boa comunicação e o entendimento do mundo globalizado com a língua mais falada no mundo. A busca por informações e por conhecimento tem sido mais exigidos do produtor rural. São conexões digitais, palestras, reuniões, dias de campo e necessidade de interpretações simultâneas que fizeram com que a professora criasse uma empresa com métodos capazes de, em apenas seis meses, fazer com que a pessoa consiga interpretar o agro na língua inglesa.

Em dois anos, já foram formados no Brasil mais de mil pessoas, agora mais ambientadas ao segmento do agronegócio global. Formada pela Universidade de Oxford, NY – EUA, Rízia também explicou que, para o caso do pecuarista, existem aulas que o ajuda a conhecer melhor os métodos de manejo de pastagens mais utilizados no mundo. Os cursos envolvem simulações, vocabulários e treinamentos auditivos, de leitura, fala e escrita. São destinados para pesquisadores da área, agrônomos, veterinários, zootecnistas, agropecuaristas e para o público em geral.         

Confira, abaixo, os detalhes do método de ensino na entrevista da professora:

 

Mais informações sobre o curso acesse: greengoingles.com.br

VEJA TAMBÉM

Confira as fazendas em destaque do dia 13 de novembro de 2019

Fazendas localizadas em Goiás, Pará, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira o lote e Farol da Qualidade.

Circuito Nelore já avaliou quase 20 mil animais em 2019; Andradina-SP recebe penúltima etapa do ano

Na reta final da série de abates técnicos, pecuarista reforça qualidade dos lotes e acirra disputa; confira os registros do curral nesta manhã de 4ª

Uma obra literalmente à altura do potencial da ILPF no Brasil

E-book “ILPF: inovação com integração de lavoura, pecuária e floresta”, da Embrapa, tem 840 páginas e é considerada a maior publicação do mundo sobre sistemas integrados para o clima tropical

O que é compliance, palavra estrangeira cada vez mais presente no dia a dia do produtor?

Para o português usado no Brasil, palavra pode ser traduzida como “conformidade”, e seu conceito ganhou relevância por aqui a partir de 2013; entenda

Cursos de inglês no agro ganham força no Brasil

20 março 2019
ingles para o agro

Nesta quarta-feira, 20, o Giro do Boi recebeu no estúdio a professora de inglês, Rízia Prado, para falar de uma tendência que está cada vez mais presente no cotidiano dos profissionais que trabalham no agronegócio brasileiro, a boa comunicação e o entendimento do mundo globalizado com a língua mais falada no mundo. A busca por informações e por conhecimento tem sido mais exigidos do produtor rural. São conexões digitais, palestras, reuniões, dias de campo e necessidade de interpretações simultâneas que fizeram com que a professora criasse uma empresa com métodos capazes de, em apenas seis meses, fazer com que a pessoa consiga interpretar o agro na língua inglesa.

Em dois anos, já foram formados no Brasil mais de mil pessoas, agora mais ambientadas ao segmento do agronegócio global. Formada pela Universidade de Oxford, NY – EUA, Rízia também explicou que, para o caso do pecuarista, existem aulas que o ajuda a conhecer melhor os métodos de manejo de pastagens mais utilizados no mundo. Os cursos envolvem simulações, vocabulários e treinamentos auditivos, de leitura, fala e escrita. São destinados para pesquisadores da área, agrônomos, veterinários, zootecnistas, agropecuaristas e para o público em geral.         

Confira, abaixo, os detalhes do método de ensino na entrevista da professora:

 

Mais informações sobre o curso acesse: greengoingles.com.br

VEJA TAMBÉM

Fazendas localizadas em Goiás, Pará, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira o lote e Farol da Qualidade.

Na reta final da série de abates técnicos, pecuarista reforça qualidade dos lotes e acirra disputa; confira os registros do curral nesta manhã de 4ª

E-book “ILPF: inovação com integração de lavoura, pecuária e floresta”, da Embrapa, tem 840 páginas e é considerada a maior publicação do mundo sobre sistemas integrados para o clima tropical

Para o português usado no Brasil, palavra pode ser traduzida como “conformidade”, e seu conceito ganhou relevância por aqui a partir de 2013; entenda

Avaliação de quase 500 carcaças aconteceu na unidade de Itapetinga-BA no último dia 06/11 e foi a primeira etapa de 2019 realizada na Região Nordeste

Fazendas localizadas em São Paulo, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira o lote e Farol da Qualidade.

Com sistema exclusivo de recria, propriedade reduz pela metade o período de adaptação dos animais destinados à engorda em confinamento

E-book “ILPF: inovação com integração de lavoura, pecuária e floresta”, da Embrapa, tem 840 páginas e é considerada a maior publicação do mundo sobre sistemas integrados para o clima tropical

Na reta final da série de abates técnicos, pecuarista reforça qualidade dos lotes e acirra disputa; confira os registros do curral nesta manhã de 4ª

Veterinário lista tudo o que o pecuarista precisa saber sobre maquinário utilizado, montagem de galpões, divisões de piquetes e fatores limitantes para a produtividade do sistema

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE