Estreia nesta sexta, 16, nova temporada da série Embrapa em Ação

15 agosto 2019
serie-embrapa-em-acao-pecuaria-sudeste

Centro de estudo em funcionamento desde a década de 1.970 com foco em pesquisas sobre encurtamento do ciclo da pecuária, qualidade de carne, genética, manejo de pastagem, eficiência reprodutiva e berço da raça Canchim. Este é um breve resumo da representatividade da Embrapa Pecuária Sudeste, com sede em São Carlos, interior de São Paulo.

A instituição e o seu trabalho serão apresentados em nova temporada da série Embrapa em Ação, que começa a ser transmitida nesta sexta, 16, durante o Giro do Boi.  No primeiro episódio, o programa exibe entrevista feita pelo repórter Marco Ribeiro e o cinegrafista Antônio Alencar com o médico veterinário e pesquisador chefe da unidade, Rui Machado. Segundo o pesquisador, que é especialista em reprodução bovina, a incorporação da IATF nas fazendas de cria geram uma receita anual na bovinocultura brasileira de US$ 3,5 bilhões.

O programa Giro do Boi desta sexta-feira começa às 07h pelo Canal Rural e pode ser visto também na internet pelo site da emissora ou ainda pelo YouTube do Canal Rural. Além desta temporada gravada em São Carlos-SP, a série Embrapa em Ação já destacou os trabalhos dos centros de pesquisas da Embrapa Informática Agropecuária, Embrapa Meio Ambiente e Embrapa Territorial (Campinas-SP), Embrapa Agrossilvipastoril (Sinop-MT) e Embrapa Gado de Corte (Campo Grande-MS).

VEJA TAMBÉM

Calor e tempo seco predominam sobre o Brasil Central nos próximos dias

Região já está há praticamente três meses sem chuvas; no Sul, chegada de frente fria traz geadas para o RS, SC e divisa do PR com SP

Vencedores da maior etapa do Circuito Nelore de Qualidade em 2019 são revelados

Etapa de Barra do Garças-MT, a 11ª do ano da série de abates da ACNB, reuniu 1.380 cabeças no feito no último dia 16

Três dicas para ganhar dinheiro com confinamento de gado de corte

Pesquisador da Embrapa afirma que pecuarista deve fugir das “receitas de bolo” para não perder oportunidades de buscar ingredientes alternativos no mercado

Novilhas recebem bônus superior a R$ 20 por arroba pela qualidade

Fêmeas cruzadas foram abatidas no Protocolo 1953 com peso médio de 15,8@ e marcaram 100% Verde no Farol da Qualidade

Estreia nesta sexta, 16, nova temporada da série Embrapa em Ação

15 agosto 2019
serie-embrapa-em-acao-pecuaria-sudeste

Centro de estudo em funcionamento desde a década de 1.970 com foco em pesquisas sobre encurtamento do ciclo da pecuária, qualidade de carne, genética, manejo de pastagem, eficiência reprodutiva e berço da raça Canchim. Este é um breve resumo da representatividade da Embrapa Pecuária Sudeste, com sede em São Carlos, interior de São Paulo.

A instituição e o seu trabalho serão apresentados em nova temporada da série Embrapa em Ação, que começa a ser transmitida nesta sexta, 16, durante o Giro do Boi.  No primeiro episódio, o programa exibe entrevista feita pelo repórter Marco Ribeiro e o cinegrafista Antônio Alencar com o médico veterinário e pesquisador chefe da unidade, Rui Machado. Segundo o pesquisador, que é especialista em reprodução bovina, a incorporação da IATF nas fazendas de cria geram uma receita anual na bovinocultura brasileira de US$ 3,5 bilhões.

O programa Giro do Boi desta sexta-feira começa às 07h pelo Canal Rural e pode ser visto também na internet pelo site da emissora ou ainda pelo YouTube do Canal Rural. Além desta temporada gravada em São Carlos-SP, a série Embrapa em Ação já destacou os trabalhos dos centros de pesquisas da Embrapa Informática Agropecuária, Embrapa Meio Ambiente e Embrapa Territorial (Campinas-SP), Embrapa Agrossilvipastoril (Sinop-MT) e Embrapa Gado de Corte (Campo Grande-MS).

VEJA TAMBÉM

Região já está há praticamente três meses sem chuvas; no Sul, chegada de frente fria traz geadas para o RS, SC e divisa do PR com SP

Etapa de Barra do Garças-MT, a 11ª do ano da série de abates da ACNB, reuniu 1.380 cabeças no feito no último dia 16

Pesquisador da Embrapa afirma que pecuarista deve fugir das “receitas de bolo” para não perder oportunidades de buscar ingredientes alternativos no mercado

Fêmeas cruzadas foram abatidas no Protocolo 1953 com peso médio de 15,8@ e marcaram 100% Verde no Farol da Qualidade

Segundo zootecnista Antônio Chaker, o potencial de retorno financeiro da cria é de 35%; veja passo a passo para reverter o quadro

Fazendas localizadas em Tocantins, São Paulo, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Etapa de Barra do Garças-MT, a 11ª do ano da série de abates da ACNB, reuniu 1.380 cabeças no feito no último dia 16

Segundo zootecnista Antônio Chaker, o potencial de retorno financeiro da cria é de 35%; veja passo a passo para reverter o quadro

Fêmeas cruzadas foram abatidas no Protocolo 1953 com peso médio de 15,8@ e marcaram 100% Verde no Farol da Qualidade

Grupo de novilhas meio-sangue Angus de propriedade em Botucatu-SP marcou 100% Verde no Farol da Qualidade e segue para disputa de melhor do mês

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE