Qual o segredo das fazendas de cria mais lucrativas do Brasil?

11 outubro 2019
segredo-fazendas-cria-lucrativas

“Você sabia que tem um índice novo impactando a cada dia mais o resultado da cria nas fazendas do Brasil?”, indagou aos telespectadores do Giro do Boi desta sexta, 11, o zootecnista e consultor Antônio Chaker, mestre em produção animal e diretor do Inttegra, instituto especializado em assessoria de propriedades rurais a partir de métricas gerenciais.

“Exatamente, é um índice chamado ‘índice de precocidade sexual’. Avaliando o resultado econômico, ou seja, o lucro das fazendas de cria, percebemos que elas entouram 105% das fêmeas acima de 18 meses, ou seja, as fêmeas sempre entram em média mais jovens do que 18 meses em reprodução e isto tem transformado o lucro das fazendas de cria”, esclareceu.

A interpretação destes números será feita com mais profundidade no próximo dia 21/10, a partir das 19h30, em edição especial ao vivo do Giro do Boi, pelo Canal Rural, para o lançamento do Benchmarking da safra 2018/2019, um estudo realizado pelo próprio Inttegra. Desde a primeira edição, em 2012, o levantamento já analisou os dados de sete safras, com números coletados em quase 800 fazendas distribuídas em dois milhões de hectares e reunindo um rebanho de 2,5 milhões de cabeças. Cada propriedade pode ter até 350 indicadores, que envolvem abates, clima, confinamento, mortalidade, produção e reprodução, finanças, perfil de desembolso e equipe.

No último levantamento, safra 2017/18, foram analisados os dados de desempenho de 420 fazendas de 15 estados brasileiros, além de Bolívia e Paraguai, com um rebanho total de 1,7 mi de cabeças de gado e 66 mil hectares de agricultura integrados.

Veja mais informações no vídeo abaixo:

VEJA TAMBÉM

SP e MG devem ter chuvas acima dos 100 mm nos próximos dias

Precipitações podem passar dos 200 mm em pontos localizados de Minas; pancadas devem se estender também para GO, TO, Matopiba, oeste da BA e leste do MT

Treinamentos de motoristas garantem bem-estar no transporte de gado

Além do conforto dos animais, capacitações mensais abordam também medidas de segurança na condução dos veículos ao longo do trajeto

Confira os lotes em destaque do dia 24 de janeiro de 2020

Lotes de propriedades em Mato Grosso do Sul e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os animais e Farol da Qualidade.

Qual é o grande desafio estrutural da pecuária nos próximos anos?

Consultor destaca que para ganhar competitividade frente às proteínas concorrentes, pecuária de corte precisa de integração e salto da eficiência

Qual o segredo das fazendas de cria mais lucrativas do Brasil?

11 outubro 2019
segredo-fazendas-cria-lucrativas

“Você sabia que tem um índice novo impactando a cada dia mais o resultado da cria nas fazendas do Brasil?”, indagou aos telespectadores do Giro do Boi desta sexta, 11, o zootecnista e consultor Antônio Chaker, mestre em produção animal e diretor do Inttegra, instituto especializado em assessoria de propriedades rurais a partir de métricas gerenciais.

“Exatamente, é um índice chamado ‘índice de precocidade sexual’. Avaliando o resultado econômico, ou seja, o lucro das fazendas de cria, percebemos que elas entouram 105% das fêmeas acima de 18 meses, ou seja, as fêmeas sempre entram em média mais jovens do que 18 meses em reprodução e isto tem transformado o lucro das fazendas de cria”, esclareceu.

A interpretação destes números será feita com mais profundidade no próximo dia 21/10, a partir das 19h30, em edição especial ao vivo do Giro do Boi, pelo Canal Rural, para o lançamento do Benchmarking da safra 2018/2019, um estudo realizado pelo próprio Inttegra. Desde a primeira edição, em 2012, o levantamento já analisou os dados de sete safras, com números coletados em quase 800 fazendas distribuídas em dois milhões de hectares e reunindo um rebanho de 2,5 milhões de cabeças. Cada propriedade pode ter até 350 indicadores, que envolvem abates, clima, confinamento, mortalidade, produção e reprodução, finanças, perfil de desembolso e equipe.

No último levantamento, safra 2017/18, foram analisados os dados de desempenho de 420 fazendas de 15 estados brasileiros, além de Bolívia e Paraguai, com um rebanho total de 1,7 mi de cabeças de gado e 66 mil hectares de agricultura integrados.

Veja mais informações no vídeo abaixo:

VEJA TAMBÉM

Precipitações podem passar dos 200 mm em pontos localizados de Minas; pancadas devem se estender também para GO, TO, Matopiba, oeste da BA e leste do MT

Além do conforto dos animais, capacitações mensais abordam também medidas de segurança na condução dos veículos ao longo do trajeto

Lotes de propriedades em Mato Grosso do Sul e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os animais e Farol da Qualidade.

Consultor destaca que para ganhar competitividade frente às proteínas concorrentes, pecuária de corte precisa de integração e salto da eficiência

Sujeira e até pH inadequado interferem na eficácia do defensivo usado no controle de plantas daninhas nas pastagens

Lotes de propriedades em Minas Gerais, Pará, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os animais e Farol da Qualidade.

Precipitações podem passar dos 200 mm em pontos localizados de Minas; pancadas devem se estender também para GO, TO, Matopiba, oeste da BA e leste do MT

Sujeira e até pH inadequado interferem na eficácia do defensivo usado no controle de plantas daninhas nas pastagens

5ª geração em uma família de produtores rurais, Mateus Arantes desenvolveu sistema de integração com plantio direto para solos arenosos

Envie sua pergunta sobre cruzamento industrial de gado de corte para receber as dicas no novo quadro ‘Zadra Responde’

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE