Saiba qual é o tripé da gestão de uma fazenda de pecuária de corte

28 novembro 2019
tripe-gestao-fazenda-pecuaria-de-corte

Em entrevista concedida ao Giro do Boi desta quinta, 28, o médico veterinário pós-graduado pela Harvard Business School Leonardo Sá, CEO da empresa de consultoria e nutrição para pecuária de corte Prodap, revelou quais são os três pontos cruciais para um início de processo de gestão de uma fazenda.

“Primeiro é a base de números porque sem entender o que está acontecendo, você não consegue melhorar. Ou seja, o sistema de informação e tecnologia vem para poder gerar estes números, para que a tomada de decisão aconteça, para que seja possível estabelecer metas de melhoria e, assim, buscar estas metas. Isto é o primordial, é o alicerce. Segundo acho que é pessoas. Sem pessoas qualificadas, sem time engajado, é impossível a gente chegar no resultado. E aí eu acho que falando sobre pessoas, é claro, tem cultura atrelada. A cultura, eu falo que é o cimento que cola tudo, que vai fazer com que estas pessoas estejam engajadas, motivadas para que a empresa performe e chegue no patamar de resultados diferenciado”, resumiu Sá.

Veja a primeira parte da entrevista com Leonardo Sá pelo link abaixo:
Revolução digital vai transformar patamar de resultado da pecuária, afirma especialista

De acordo com o especialista, o sucesso da fazenda passa mais pela dedicação à gestão do que por características de fertilidade de solo ou de clima favorável da região em que está. “(O sucesso) Não está ligado só à fertilidade de solo, ao clima da propriedade, mas isto está ligado com certeza a fatores de gestão, cultura e como é trabalhada a questão da filosofia do negócio como um todo”, valorizou.

Confira a entrevista com Leonardo de Sá, CEO da Prodap, pelo vídeo abaixo:

 

 

Foto: Reprodução / Prodap

VEJA TAMBÉM

Gestão da pecuária: “o que me trouxe até aqui não vai me levar adiante”

Descubra os seis pontos em comum entre as fazendas de pecuária de corte mais lucrativas do Brasil

Confira as fazendas em destaque do dia 05 de dezembro de 2019

Fazendas localizadas em Minas Gerais, Rondônia e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Fazenda tem economia milionária ao transformar esterco em adubo

No interior de SP, Agropastoril Paschoal Campanelli fertiliza lavouras de cana-de-açúcar, milho e pastagens usando dejetos do confinamento

Rústico e produtivo com carne de qualidade, raça Nelore é “patrimônio nacional”

Giro do Boi vai abordar evolução da raça em programa especial às 20h do dia 09/12 pelo Canal Rural

Saiba qual é o tripé da gestão de uma fazenda de pecuária de corte

28 novembro 2019
tripe-gestao-fazenda-pecuaria-de-corte

Em entrevista concedida ao Giro do Boi desta quinta, 28, o médico veterinário pós-graduado pela Harvard Business School Leonardo Sá, CEO da empresa de consultoria e nutrição para pecuária de corte Prodap, revelou quais são os três pontos cruciais para um início de processo de gestão de uma fazenda.

“Primeiro é a base de números porque sem entender o que está acontecendo, você não consegue melhorar. Ou seja, o sistema de informação e tecnologia vem para poder gerar estes números, para que a tomada de decisão aconteça, para que seja possível estabelecer metas de melhoria e, assim, buscar estas metas. Isto é o primordial, é o alicerce. Segundo acho que é pessoas. Sem pessoas qualificadas, sem time engajado, é impossível a gente chegar no resultado. E aí eu acho que falando sobre pessoas, é claro, tem cultura atrelada. A cultura, eu falo que é o cimento que cola tudo, que vai fazer com que estas pessoas estejam engajadas, motivadas para que a empresa performe e chegue no patamar de resultados diferenciado”, resumiu Sá.

Veja a primeira parte da entrevista com Leonardo Sá pelo link abaixo:
Revolução digital vai transformar patamar de resultado da pecuária, afirma especialista

De acordo com o especialista, o sucesso da fazenda passa mais pela dedicação à gestão do que por características de fertilidade de solo ou de clima favorável da região em que está. “(O sucesso) Não está ligado só à fertilidade de solo, ao clima da propriedade, mas isto está ligado com certeza a fatores de gestão, cultura e como é trabalhada a questão da filosofia do negócio como um todo”, valorizou.

Confira a entrevista com Leonardo de Sá, CEO da Prodap, pelo vídeo abaixo:

 

 

Foto: Reprodução / Prodap

VEJA TAMBÉM

Descubra os seis pontos em comum entre as fazendas de pecuária de corte mais lucrativas do Brasil

Fazendas localizadas em Minas Gerais, Rondônia e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

No interior de SP, Agropastoril Paschoal Campanelli fertiliza lavouras de cana-de-açúcar, milho e pastagens usando dejetos do confinamento

Giro do Boi vai abordar evolução da raça em programa especial às 20h do dia 09/12 pelo Canal Rural

Consultor adverte que produtividade de grande parte da pecuária praticada no Brasil cresceu baseada em aumento dos custos e aponta o caminho para produtor evitar o problema

Conforme novas tecnologias são incorporadas no campo, fazendas de gado de corte aumentaram a demanda por mão de obra especializada

Além do retorno financeiro específico da operação de engorda, produtor tem benefícios indiretos como possibilidade de aumentar rebanho e a taxa de lotação

Antônio Chaker apresenta qual etapa do ciclo de produção tem mais oportunidades para aumentar desfrute e renda e elenca números para pecuarista ficar atento

Com o desafio de otimizar o uso da terra, propriedade em Serra Nova Dourada-MT saiu da cria para a recria-engorda utilizando confinamento com grão inteiro

Giro do Boi vai abordar evolução da raça em programa especial às 20h do dia 09/12 pelo Canal Rural

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE