“Sinergia entre indústria, pecuarista e consumidor é positiva e necessária”

20 novembro 2019
Close up of two businessmen shaking hands on the farmland. Combine harvester working in background

Nesta quarta, 20, o gerente de originação da Friboi para os estados de Rondônia e Acre Bruno Brainer fez um balanço do ano da pecuária praticada na região. “De forma geral foi um ano positivo. A gente olha os laços de parceria que a gente tem construído no dia a dia com o produtor e vê que está linha com o propósito de mais produtividade porteira adentro e entregar pro consumidor final uma carne de qualidade” celebrou.

Brainer citou entre os principais pontos de evolução da cadeia a melhora gradativa da qualidade dos animais em termos de redução da idade ao abate e acabamento de gordura, fruto do trabalho de comunicação entre os elos da cadeia da pecuária. “A sinergia entre a indústria, o consumidor e o pecuarista é positiva e necessária. A gente precisa produzir o que o mercado está pedindo e nós, no papel de indústria, estamos em busca de valorizar isto, agregar valor, acessar novos mercados e enfim, estamos juntos”, declarou.

O gerente comentou ainda o sucesso das cinco etapas do Circuito Nelore de Qualidade 2019 realizadas nas unidades de Vilhena, Pimenta Bueno, São Miguel do Guaporé, Porto Velho, em RO, e Rio Branco, no AC, ao longo do ano. Foram 50 pecuaristas participantes e cerca de quatro mil carcaças avaliadas, sobre as quais Bruno se declarou satisfeito com o nível de acabamento, tantos nos abates realizados no primeiro semestre quando os da segunda metade do ano. “Um espetáculo de qualidade, de zelo, capricho e apartação. Nós estamos muito felizes com o que entregaram os produtores que participaram, Nada mais é do que um modelo do que é possível fazer, que vem sendo feito e parte do que está no dia a dia nos currais da Friboi nos estados de Rondônia e Acre”, comentou.

Brainer falou também sobre o engajamento do pecuarista nos abates do Protocolo 1953, que premia a qualidade das carcaças de gado cruzado para a produção de carnes premium. “A gente vê que cada vez mais o pecuarista está empenhado em ajustar seu sistema de produção para gabaritar todos os indicadores do Protocolo 1953 e poder realmente entregar lotes que sejam 100% aprovados e ingressem dentro do certificado”, enalteceu.

Veja a entrevista completa com Bruno Brainer pelo vídeo abaixo:

VEJA TAMBÉM

Aprendendo a ensinar: veja resultados do Bifequali, programa de capacitação da Embrapa

Benefício econômico acumulado pelo programa entre os anos de 2013 e 2018 já ultrapassou marca dos R$ 23 milhões

Confira o último classificado para votação do melhor lote de novembro

Grupo de novilhas Caracu que marcou 88% Verde no Farol da Qualidade fechou o páreo para a eleição do melhor lote do mês

Canal de umidade leva chuvas desde o Brasil Central até litoral do Sudeste

Em comportamento típico do clima de verão, pancadas de chuva começam a partir do fim de tarde e atingem MT, MS, GO, TO, MG, BA e litoral no RJ e ES

Carretas adaptadas a condições locais melhoram transporte boiadeiro

Veículos que se ajustam aos tipos de estradas e demandas de cada região, além de capacitação dos motoristas, reforçam segurança das viagens

“Sinergia entre indústria, pecuarista e consumidor é positiva e necessária”

20 novembro 2019
Close up of two businessmen shaking hands on the farmland. Combine harvester working in background

Nesta quarta, 20, o gerente de originação da Friboi para os estados de Rondônia e Acre Bruno Brainer fez um balanço do ano da pecuária praticada na região. “De forma geral foi um ano positivo. A gente olha os laços de parceria que a gente tem construído no dia a dia com o produtor e vê que está linha com o propósito de mais produtividade porteira adentro e entregar pro consumidor final uma carne de qualidade” celebrou.

Brainer citou entre os principais pontos de evolução da cadeia a melhora gradativa da qualidade dos animais em termos de redução da idade ao abate e acabamento de gordura, fruto do trabalho de comunicação entre os elos da cadeia da pecuária. “A sinergia entre a indústria, o consumidor e o pecuarista é positiva e necessária. A gente precisa produzir o que o mercado está pedindo e nós, no papel de indústria, estamos em busca de valorizar isto, agregar valor, acessar novos mercados e enfim, estamos juntos”, declarou.

O gerente comentou ainda o sucesso das cinco etapas do Circuito Nelore de Qualidade 2019 realizadas nas unidades de Vilhena, Pimenta Bueno, São Miguel do Guaporé, Porto Velho, em RO, e Rio Branco, no AC, ao longo do ano. Foram 50 pecuaristas participantes e cerca de quatro mil carcaças avaliadas, sobre as quais Bruno se declarou satisfeito com o nível de acabamento, tantos nos abates realizados no primeiro semestre quando os da segunda metade do ano. “Um espetáculo de qualidade, de zelo, capricho e apartação. Nós estamos muito felizes com o que entregaram os produtores que participaram, Nada mais é do que um modelo do que é possível fazer, que vem sendo feito e parte do que está no dia a dia nos currais da Friboi nos estados de Rondônia e Acre”, comentou.

Brainer falou também sobre o engajamento do pecuarista nos abates do Protocolo 1953, que premia a qualidade das carcaças de gado cruzado para a produção de carnes premium. “A gente vê que cada vez mais o pecuarista está empenhado em ajustar seu sistema de produção para gabaritar todos os indicadores do Protocolo 1953 e poder realmente entregar lotes que sejam 100% aprovados e ingressem dentro do certificado”, enalteceu.

Veja a entrevista completa com Bruno Brainer pelo vídeo abaixo:

VEJA TAMBÉM

Benefício econômico acumulado pelo programa entre os anos de 2013 e 2018 já ultrapassou marca dos R$ 23 milhões

Grupo de novilhas Caracu que marcou 88% Verde no Farol da Qualidade fechou o páreo para a eleição do melhor lote do mês

Em comportamento típico do clima de verão, pancadas de chuva começam a partir do fim de tarde e atingem MT, MS, GO, TO, MG, BA e litoral no RJ e ES

Veículos que se ajustam aos tipos de estradas e demandas de cada região, além de capacitação dos motoristas, reforçam segurança das viagens

Fazenda localizada em Nova Lacerda, no Mato Grosso, foi destaque do quadro Giro pelo Brasil; confira o lote e Farol da Qualidade

Consultor responde qual a maior “planta daninha” do mundo e compara eficácia das roçadas com herbicidas

Em comportamento típico do clima de verão, pancadas de chuva começam a partir do fim de tarde e atingem MT, MS, GO, TO, MG, BA e litoral no RJ e ES

Benefício econômico acumulado pelo programa entre os anos de 2013 e 2018 já ultrapassou marca dos R$ 23 milhões

Com o desafio de otimizar o uso da terra, propriedade em Serra Nova Dourada-MT saiu da cria para a recria-engorda utilizando confinamento com grão inteiro

Veículos que se ajustam aos tipos de estradas e demandas de cada região, além de capacitação dos motoristas, reforçam segurança das viagens

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE