SP e MG devem ter chuvas acima dos 100 mm nos próximos dias

24 janeiro 2020
alerta-sp-mg-chuvas-200-mm-final-janeiro-2020

Alerta de chuvas volumosas para São Paulo e Minas Gerais nos próximos dias, começando já nesta sexta-feira, 24. Na previsão do tempo que foi ao ar pelo Giro do Boi, o doutor em meteorologia Marcelo Schneider, coordenador regional do Inmet, falou sobre as condições para todo o país.

“Preocupação entre esta última quinta-feira, ontem (23), e principalmente nesta sexta (24) até a semana que vem – os acumulados de chuva. O norte de São Paulo e praticamente toda região do estado de Minas Gerais devem estar alerta com precipitações que devem ultrapassar os 100 mm. […] (Os mapas) Colocam estas regiões com maiores volumes, acima dos 100 mm, podendo pegar também a região de Goiás, Tocantins. E a boa notícia é que estas áreas aqui do Matopiba e sul do Amazonas também vão ter precipitações. Então entre o norte de São Paulo, pegando o corredor norte do Rio de Janeiro e Espírito Santo, que já teve problemas com enxurradas e alagamentos e pode voltar a ter precipitações intensas nos próximos dias. E esta parte toda abrangendo a região de Minas Gerais, Goiás, oeste da Bahia, extremo sul de Tocantins, leste do Mato Grosso vão ser as áreas onde a chuva vai ser mais intensa”, resumiu Schneider.

“Em algumas áreas de Minas Gerais é muito provável que as chuvas, em dois ou três dias, excedam os 200 mm em pontos localizados. Em média, eu acredito que esta precipitação fique por volta de 150 mm em diversas áreas”, ressaltou.

Desde o litoral de Santa Catarina, passando pelo litoral do extremo sul de SP e chegando ao Rio de Janeiro e, sobretudo, Espírito Santo, há alerta para rajadas de vento que podem chegar a 60 km/h entre sexta e sábado. No entanto, o sistema de baixa pressão se desloca rapidamente para rumo ao alto mar.

Enquanto isto, no Rio Grande do Sul, chuvas de caráter irregular não servem para aliviar a estiagem pela qual passa boa parte do estado. A tendência é que nas próximas semanas, até nos próximos meses, o sul e o centro-sul gaúcho tenham menos precipitações em relação a outras regiões no estado.

Veja a previsão completa pelo vídeo abaixo:

 

VEJA TAMBÉM

Área de baixa pressão forma canal de umidade que vai do Sudeste até a Amazônia

Minas Gerais deve voltar a sofrer com as chuvas intensas, que podem chegar aos 150 mm a partir desta sexta até o início da próxima semana

Tem dúvidas sobre bem-estar no transporte boiadeiro? Pergunte ao motorista

Programa de capacitação de profissionais da logística do gado leva informações relevantes também aos pecuaristas dentro de sua porteira

Sindicato Rural de Governador Valadares-MG realiza edição do “Café Rural” dia 09/03

Friboi será parceira do evento que começa às 7h da manhã na sede do sindicato, localizado dentro do Parque de Exposições do município do Vale do Rio Doce

Confira os lotes em destaque do dia 28 de fevereiro de 2020

Lotes de propriedade em Minas Gerais e Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os animais e Farol da Qualidade.

SP e MG devem ter chuvas acima dos 100 mm nos próximos dias

24 janeiro 2020
alerta-sp-mg-chuvas-200-mm-final-janeiro-2020

Alerta de chuvas volumosas para São Paulo e Minas Gerais nos próximos dias, começando já nesta sexta-feira, 24. Na previsão do tempo que foi ao ar pelo Giro do Boi, o doutor em meteorologia Marcelo Schneider, coordenador regional do Inmet, falou sobre as condições para todo o país.

“Preocupação entre esta última quinta-feira, ontem (23), e principalmente nesta sexta (24) até a semana que vem – os acumulados de chuva. O norte de São Paulo e praticamente toda região do estado de Minas Gerais devem estar alerta com precipitações que devem ultrapassar os 100 mm. […] (Os mapas) Colocam estas regiões com maiores volumes, acima dos 100 mm, podendo pegar também a região de Goiás, Tocantins. E a boa notícia é que estas áreas aqui do Matopiba e sul do Amazonas também vão ter precipitações. Então entre o norte de São Paulo, pegando o corredor norte do Rio de Janeiro e Espírito Santo, que já teve problemas com enxurradas e alagamentos e pode voltar a ter precipitações intensas nos próximos dias. E esta parte toda abrangendo a região de Minas Gerais, Goiás, oeste da Bahia, extremo sul de Tocantins, leste do Mato Grosso vão ser as áreas onde a chuva vai ser mais intensa”, resumiu Schneider.

“Em algumas áreas de Minas Gerais é muito provável que as chuvas, em dois ou três dias, excedam os 200 mm em pontos localizados. Em média, eu acredito que esta precipitação fique por volta de 150 mm em diversas áreas”, ressaltou.

Desde o litoral de Santa Catarina, passando pelo litoral do extremo sul de SP e chegando ao Rio de Janeiro e, sobretudo, Espírito Santo, há alerta para rajadas de vento que podem chegar a 60 km/h entre sexta e sábado. No entanto, o sistema de baixa pressão se desloca rapidamente para rumo ao alto mar.

Enquanto isto, no Rio Grande do Sul, chuvas de caráter irregular não servem para aliviar a estiagem pela qual passa boa parte do estado. A tendência é que nas próximas semanas, até nos próximos meses, o sul e o centro-sul gaúcho tenham menos precipitações em relação a outras regiões no estado.

Veja a previsão completa pelo vídeo abaixo:

 

VEJA TAMBÉM

Minas Gerais deve voltar a sofrer com as chuvas intensas, que podem chegar aos 150 mm a partir desta sexta até o início da próxima semana

Programa de capacitação de profissionais da logística do gado leva informações relevantes também aos pecuaristas dentro de sua porteira

Friboi será parceira do evento que começa às 7h da manhã na sede do sindicato, localizado dentro do Parque de Exposições do município do Vale do Rio Doce

Lotes de propriedade em Minas Gerais e Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os animais e Farol da Qualidade.

Em nova edição do quadro Zadra Responde, zootecnista destaca características dos machos para corte e matrizes F1 que resultam deste cruzamento

Segundo Nabih El-Aouar, produtor é incentivado a melhorar manejo, nutrição e inserção de tecnologias no rebanho, levando ganhos para toda a cadeia produtiva

Agrônomo explica quais as alturas ideais de entrada e saída do pastejo, taxa de lotação nas águas e na seca, efeitos da adubação e potencial de produção de matéria seca

Programa de capacitação de profissionais da logística do gado leva informações relevantes também aos pecuaristas dentro de sua porteira

Segundo Nabih El-Aouar, produtor é incentivado a melhorar manejo, nutrição e inserção de tecnologias no rebanho, levando ganhos para toda a cadeia produtiva

Minas Gerais deve voltar a sofrer com as chuvas intensas, que podem chegar aos 150 mm a partir desta sexta até o início da próxima semana

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE