Custo da arroba produzida em confinamento em Goiás varia entre R$ 90 e R$ 110

15 março 2018
perspectivas-confinamento-2017-giro-do-boi

No quadro Giro pelo Brasil desta quinta, 15, o zootecnista e mestre em nutrição de Ruminantes, Éverton Borges, supervisor técnico de vendas da Tortuga DSM, participou do programa para detalhar o cenário da safra 2018 de confinamento em Goiás.

Segundo o especialista, o pecuarista do Centro-Sul do estado já está se preparando e comprando antecipadamente os insumos para fechar o gado no cocho. “Hoje a gente tem rodado algumas dietas e tem ficado em torno de R$ 90 a R$ 110 a arroba produzida, dentro de uma expectativa boa, com retorno de capital esperado em torno de R$ 200 a R$ 270 por boi confinado”, calculou Borges.

O zootecnista afirmou que a região é marcada pela presença maciça das lavouras, o que acaba sendo potencializado por pecuaristas que buscam intensificar o ciclo. Outra característica do Centro-Sul goiano, afirmou Borges, são as propriedades de leite, que acabam ofertando ao mercado animais para recria e engorda.

Veja a participação completa de Éverton Borges no Giro do Boi desta quinta:

VEJA TAMBÉM

Eficiência reprodutiva é fator que mais impacta produtividade e rentabilidade da pecuária

Afirmação foi feita pelo chefe-geral da Embrapa Pecuária Sudeste Rui Machado na estreia de mais uma temporada da série Embrapa em Ação; confira a reportagem

Pecuarista “se preparou mais cedo” para o confinamento em Goiás

Atrativos do mercado futuro e de bonificação por protocolos que reconhecem a qualidade das carcaças contribuíram para antecipar abates de animais terminados em cocho

Etapa do Circuito Nelore de Qualidade reúne 1.400 animais em Barra do Garças-MT

Abates ocorrem nesta sexta, 16, na unidade Friboi do município do Vale do Araguaia mato-grossense; etapa é a 11ª do circuito em 2019

Lotes abatidos no Protocolo 1953 se classificam para votação do melhor de agosto

Machos castrados apresentaram média de quase 20@ e 100% Verde no Farol da Qualidade, enquanto as novilhas pesaram 21,5@ e 83% Verde no Farol da Qualidade

Custo da arroba produzida em confinamento em Goiás varia entre R$ 90 e R$ 110

15 março 2018
perspectivas-confinamento-2017-giro-do-boi

No quadro Giro pelo Brasil desta quinta, 15, o zootecnista e mestre em nutrição de Ruminantes, Éverton Borges, supervisor técnico de vendas da Tortuga DSM, participou do programa para detalhar o cenário da safra 2018 de confinamento em Goiás.

Segundo o especialista, o pecuarista do Centro-Sul do estado já está se preparando e comprando antecipadamente os insumos para fechar o gado no cocho. “Hoje a gente tem rodado algumas dietas e tem ficado em torno de R$ 90 a R$ 110 a arroba produzida, dentro de uma expectativa boa, com retorno de capital esperado em torno de R$ 200 a R$ 270 por boi confinado”, calculou Borges.

O zootecnista afirmou que a região é marcada pela presença maciça das lavouras, o que acaba sendo potencializado por pecuaristas que buscam intensificar o ciclo. Outra característica do Centro-Sul goiano, afirmou Borges, são as propriedades de leite, que acabam ofertando ao mercado animais para recria e engorda.

Veja a participação completa de Éverton Borges no Giro do Boi desta quinta:

VEJA TAMBÉM

Afirmação foi feita pelo chefe-geral da Embrapa Pecuária Sudeste Rui Machado na estreia de mais uma temporada da série Embrapa em Ação; confira a reportagem

Atrativos do mercado futuro e de bonificação por protocolos que reconhecem a qualidade das carcaças contribuíram para antecipar abates de animais terminados em cocho

Abates ocorrem nesta sexta, 16, na unidade Friboi do município do Vale do Araguaia mato-grossense; etapa é a 11ª do circuito em 2019

Machos castrados apresentaram média de quase 20@ e 100% Verde no Farol da Qualidade, enquanto as novilhas pesaram 21,5@ e 83% Verde no Farol da Qualidade

Fazenda localizada em Ribas do Rio Pardo, no Mato Grosso do Sul, foi destaque do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Conteúdos foram gravados na sede da Embrapa Pecuária Sudeste, localizada no município de São Carlos, interior do estado de São Paulo

Atrativos do mercado futuro e de bonificação por protocolos que reconhecem a qualidade das carcaças contribuíram para antecipar abates de animais terminados em cocho

Abates ocorrem nesta sexta, 16, na unidade Friboi do município do Vale do Araguaia mato-grossense; etapa é a 11ª do circuito em 2019

Grande parte das ações mais importantes para o lucro de uma fazenda não precisam de dinheiro, afirmou zootecnista e consultor Antônio Chaker

Fazenda localizada em Ribas do Rio Pardo, no Mato Grosso do Sul, foi destaque do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE