Como é feita a coleta das amostras de capim pelos técnicos do Rally da Pecuária!

19 setembro 2018
gtec-1

No programa Giro do Boi desta quarta-feira, 19, a pecuarista e diretora da Sociedade Rural Brasileira (SRB), Teka Vendramini, trouxe detalhes de uma das visitas realizadas pela equipe número 7 do Rally da Pecuária, que passou pela cidade de Ji-Paraná, RO. Teka mostrou como são feitas as amostragens de pastagens pelos técnicos da maior expedição pecuária do Brasil e, em entrevista ao coordenador do projeto Maurício Nogueira, ressaltou a importância da coleta de dados das propriedades rurais de diferentes estados para entender o que foi feito em determinada área de um ano para outro, se houve queimadas, reformas, erros ou acertos de lotação, etc. Esse monitoramento de amostragens é feito desde 2011. “Nós estamos fazendo o maior rally da pecuária que já fizemos, e o interessante é que a gente consegue verificar tendências”, ressalta Nogueira, ao comentar sobre as análises de estatísticas e experiências dos pecuaristas entrevistados.

Veja abaixo a entrevista da Teka Vendramini com o engenheiro agrônomo Maurício Nogueira:

VEJA TAMBÉM

Confira as fazendas em destaque do dia 20 de novembro de 2019

Fazendas localizadas no Mato Grosso do Sul e Minas Gerais foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira o lote e Farol da Qualidade.

Giro do Dia: curral da unidade de Mozarlândia em dia de abate 1953

Veja imagens do lote de novilhas meio-sangue Angus da Fazenda São Luiz, em Santa Tereza-GO, que marcou 98% Verde no Farol da Qualidade

Degradação do pasto custou mais de R$ 15 por arroba para o pecuarista em 2018

Agrônomo Maurício Nogueira falou em entrevista sobre como investir da maneira certa no momento de alta e os impactos das mentiras sobre a sustentabilidade do setor

Quais consequências o produtor pode sofrer pelos erros na declaração do ITR?

Declaração para o imposto venceu em setembro, mas os problemas começam depois do fim do prazo; confira as dicas do consultor jurídico

Como é feita a coleta das amostras de capim pelos técnicos do Rally da Pecuária!

19 setembro 2018
gtec-1

No programa Giro do Boi desta quarta-feira, 19, a pecuarista e diretora da Sociedade Rural Brasileira (SRB), Teka Vendramini, trouxe detalhes de uma das visitas realizadas pela equipe número 7 do Rally da Pecuária, que passou pela cidade de Ji-Paraná, RO. Teka mostrou como são feitas as amostragens de pastagens pelos técnicos da maior expedição pecuária do Brasil e, em entrevista ao coordenador do projeto Maurício Nogueira, ressaltou a importância da coleta de dados das propriedades rurais de diferentes estados para entender o que foi feito em determinada área de um ano para outro, se houve queimadas, reformas, erros ou acertos de lotação, etc. Esse monitoramento de amostragens é feito desde 2011. “Nós estamos fazendo o maior rally da pecuária que já fizemos, e o interessante é que a gente consegue verificar tendências”, ressalta Nogueira, ao comentar sobre as análises de estatísticas e experiências dos pecuaristas entrevistados.

Veja abaixo a entrevista da Teka Vendramini com o engenheiro agrônomo Maurício Nogueira:

VEJA TAMBÉM

Fazendas localizadas no Mato Grosso do Sul e Minas Gerais foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira o lote e Farol da Qualidade.

Veja imagens do lote de novilhas meio-sangue Angus da Fazenda São Luiz, em Santa Tereza-GO, que marcou 98% Verde no Farol da Qualidade

Agrônomo Maurício Nogueira falou em entrevista sobre como investir da maneira certa no momento de alta e os impactos das mentiras sobre a sustentabilidade do setor

Declaração para o imposto venceu em setembro, mas os problemas começam depois do fim do prazo; confira as dicas do consultor jurídico

Em entrevista ao Giro do Boi, diretora da CME Group para a América Latina dá dicas para produtor diminuir riscos do seu negócio

Conheça a história de Elias Madureira, que chegou em RO como contador em 1985, transformou-se em pecuarista nos anos 90 e fez da Fazenda Veneno no Olhar uma referência para a região

Cuidar das forrageiras é essencial para fazendas de pecuária a pasto, mas existe um fator limitante para o sucesso do produtor; saiba qual é

Em entrevista ao Giro do Boi, diretora da CME Group para a América Latina dá dicas para produtor diminuir riscos do seu negócio

Conheça a história de Elias Madureira, que chegou em RO como contador em 1985, transformou-se em pecuarista nos anos 90 e fez da Fazenda Veneno no Olhar uma referência para a região

Em entrevista ao Giro do Boi, Bruno Brainer, gerente de originação da Friboi para Rondônia e Acre, falou sobre parceria com produtor em 2019 e evolução da pecuária na região

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE