Intensificação da engorda eleva qualidade dos animais abatidos em Rondônia e Acre

14 novembro 2018
confinamento-semiconfinamento-castracao-acre-rondonia-2018

No Giro do Boi desta quarta, dia 14, o gerente regional de originação da indústria para o Acre e Rondônia, Bruno Brainer, quantificou a evolução da pecuária de corte praticada nos estados. De acordo com o profissional, os impactos foram provocados, principalmente, por melhorias nos sistemas de terminação, como semiconfinamento e confinamento.

No Acre, o volume de abates de animais no padrão indesejável, o chamado quadrante Vermelho na matriz do Farol da Qualidade, caiu de 34,38% para 29,64 entre os anos de 2016 e 2018, o que representa uma diminuição de 13,7%. No mesmo período, o abate de animais no padrão desejável (Verde) manteve estabilidade.

Em Rondônia, o avanço foi ainda mais expressivo. Entre 2016 e 2018, o abate de animais com carcaça indesejável caiu de 25,07% para 14,21%, uma queda de 43,3%. Já o processamento de animais no padrão desejável subiu 3,7% pontos percentuais.

Entre os fatores que elevaram a qualidade dos animais produzidos pelos pecuaristas estão intensificação da engorda, como o uso de sistemas de semiconfinamento e confinamento, e também a popularização da castração, sobretudo em Rondônia, avaliou Bruno Brainer.

O gerente afirmou que, além de ganhar o consumidor final com alimentos melhores, ganha o produtor na outra ponta com aumento da produtividade. “A soma destes fatores é satisfatória para quem atua na cadeia produtiva”, aprovou.

Confira a entrevista completa e os exemplos de lotes em destaque enviados por pecuaristas de Rondônia e Acre, como a Fazenda São Domingos e a Fazenda Santal, ambas de Chupinguaia-RO; Confinamento Delta, de Vilhena-RO; Fazenda São José, de Ji-Paraná-RO; Fazenda Guanabara, de Bujari-AC:

VEJA TAMBÉM

Trabalho integrado ameniza dificuldades com embarque do gado gordo entre Juara e Juína

Embora as chuvas prejudiquem as condições das estradas de terra, união de esforços entres unidades da indústria diminui problemas com o transporte

Áreas de instabilidade levam chuva para fronteira do RS com SC no fim de semana

Previsão é que precipitações se desloquem nos próximos dias para o Norte de SP e MG, chegando ao Semiárido e Centro-Oeste

Seis cadastros obrigatórios para o produtor rural garantir sua segurança jurídica

Gestão de cadastros de propriedades rurais evita problemas em situações como transações imobiliárias, bancárias, ambientais e também possíveis sanções de órgãos do governo

Já saiu o resultado da votação para o melhor lote de janeiro; conheça o vencedor

Lote de novilhas meio-sangue para o Protocolo 1953 pesou 18,4@ por animal em média e marcou 100% Verde no Farol da Qualidade

Intensificação da engorda eleva qualidade dos animais abatidos em Rondônia e Acre

14 novembro 2018
confinamento-semiconfinamento-castracao-acre-rondonia-2018

No Giro do Boi desta quarta, dia 14, o gerente regional de originação da indústria para o Acre e Rondônia, Bruno Brainer, quantificou a evolução da pecuária de corte praticada nos estados. De acordo com o profissional, os impactos foram provocados, principalmente, por melhorias nos sistemas de terminação, como semiconfinamento e confinamento.

No Acre, o volume de abates de animais no padrão indesejável, o chamado quadrante Vermelho na matriz do Farol da Qualidade, caiu de 34,38% para 29,64 entre os anos de 2016 e 2018, o que representa uma diminuição de 13,7%. No mesmo período, o abate de animais no padrão desejável (Verde) manteve estabilidade.

Em Rondônia, o avanço foi ainda mais expressivo. Entre 2016 e 2018, o abate de animais com carcaça indesejável caiu de 25,07% para 14,21%, uma queda de 43,3%. Já o processamento de animais no padrão desejável subiu 3,7% pontos percentuais.

Entre os fatores que elevaram a qualidade dos animais produzidos pelos pecuaristas estão intensificação da engorda, como o uso de sistemas de semiconfinamento e confinamento, e também a popularização da castração, sobretudo em Rondônia, avaliou Bruno Brainer.

O gerente afirmou que, além de ganhar o consumidor final com alimentos melhores, ganha o produtor na outra ponta com aumento da produtividade. “A soma destes fatores é satisfatória para quem atua na cadeia produtiva”, aprovou.

Confira a entrevista completa e os exemplos de lotes em destaque enviados por pecuaristas de Rondônia e Acre, como a Fazenda São Domingos e a Fazenda Santal, ambas de Chupinguaia-RO; Confinamento Delta, de Vilhena-RO; Fazenda São José, de Ji-Paraná-RO; Fazenda Guanabara, de Bujari-AC:

VEJA TAMBÉM

Embora as chuvas prejudiquem as condições das estradas de terra, união de esforços entres unidades da indústria diminui problemas com o transporte

Previsão é que precipitações se desloquem nos próximos dias para o Norte de SP e MG, chegando ao Semiárido e Centro-Oeste

Gestão de cadastros de propriedades rurais evita problemas em situações como transações imobiliárias, bancárias, ambientais e também possíveis sanções de órgãos do governo

Lote de novilhas meio-sangue para o Protocolo 1953 pesou 18,4@ por animal em média e marcou 100% Verde no Farol da Qualidade

Fazendas nos estados de Rondônia e Mato Grosso do Sul foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

Teste foi feito em área com lotação média de 10 UA/ha ao longo de dois anos; conclusão é de que não há interferência na fertilidade do solo que prejudique a produção de grãos

Previsão é que precipitações se desloquem nos próximos dias para o Norte de SP e MG, chegando ao Semiárido e Centro-Oeste

Embora as chuvas prejudiquem as condições das estradas de terra, união de esforços entres unidades da indústria diminui problemas com o transporte

Lote de novilhas meio-sangue para o Protocolo 1953 pesou 18,4@ por animal em média e marcou 100% Verde no Farol da Qualidade

Pecuarista deve fazer download do Termo de Adesão e entregar assinado aos compradores de gado das unidades da indústria; veja como tirar suas dúvidas sobre o processo

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE