Pecuaristas têm trabalho reconhecido com bônus pela produção de carne de qualidade

30 abril 2019
NAVIRAI 15-05

À medida que evoluem os protocolos de premiação pela comercialização de animais de qualidade, o pecuarista sente o reconhecimento pelo seu trabalho. Foi o que frisou em sua participação no Giro do Boi desta terça, dia 30, o gerente regional de originação da Friboi para o leste do Mato Grosso do Sul, Sérgio Gonçalves.

“O pecuarista que produz qualidade sente que é reconhecido por isso. E a Friboi por meio desses programas (exemplificando com Protocolos 1953 e Nelore Natural, este em parceria com associados da ACNB) agregou valor para o pecuarista. Em todas as reuniões que a gente faz, nas visitas a fazendas, o pecuarista diz que hoje tem o que sempre clamou, que é reconhecimento pelo seu esforço e pela dedicação, pelo investimento no rebanho para fazer um animal cada dia mais jovem, mais bem acabado e com padrão racial mais bem definido”, afirmou.

Gonçalves ilustrou sua declaração com o engajamento de produtores em reuniões feitas com quase 70 fornecedores em unidades da indústria em Nova Andradina, Naviraí e Ponta Porã entre 23 e 25 de abril (veja fotos clicando no vídeo abaixo).

Gonçalves também destacou exemplo da produção de animais de qualidade mostrando um lote de bois Nelore castrados engordados em confinamento pela Fazenda Gauchinha, da Agropecuária Rmawi LTDA, localizada em Caarapó. Os animais foram abatidos com peso médio de 17,4@ e marcaram 81% Verde no Farol da Qualidade.

Veja a participação completa de Sérgio Gonçalves pelo vídeo:

VEJA TAMBÉM

4 atitudes para você ser um líder exemplar para a equipe de sua fazenda

“100% dos problemas são resolvidos através da liderança. A fazenda é sempre reflexo de seu líder imediato”, afirmou consultor no quadro Dicas do Chaker

Veja o resultado da votação para os melhores lotes do início de maio

Grupos de animais meio-sangue e Nelore foram os mais votados nas primeiras semanas do mês e se classificaram para votação a ser realizada ao fim de maio

Veja como é feita uma das mais complexas operações de logística de gado magro do Brasil

Mega Leilão, realizado no MT, comercializou quase 20 mil animais em uma de suas etapas de 2019; entenda os desafios do transporte boiadeiro para o evento

Inmet prevê chuva forte e granizo para SP, Triângulo Mineiro e parte de Goiás

Instabilidade vinda do Oceano Atlântico reflete em precipitações ao longo do litoral do Sudeste até a Bahia; chuvas chegarão também ao Brasil Central durante o fim de semana

Pecuaristas têm trabalho reconhecido com bônus pela produção de carne de qualidade

30 abril 2019
NAVIRAI 15-05

À medida que evoluem os protocolos de premiação pela comercialização de animais de qualidade, o pecuarista sente o reconhecimento pelo seu trabalho. Foi o que frisou em sua participação no Giro do Boi desta terça, dia 30, o gerente regional de originação da Friboi para o leste do Mato Grosso do Sul, Sérgio Gonçalves.

“O pecuarista que produz qualidade sente que é reconhecido por isso. E a Friboi por meio desses programas (exemplificando com Protocolos 1953 e Nelore Natural, este em parceria com associados da ACNB) agregou valor para o pecuarista. Em todas as reuniões que a gente faz, nas visitas a fazendas, o pecuarista diz que hoje tem o que sempre clamou, que é reconhecimento pelo seu esforço e pela dedicação, pelo investimento no rebanho para fazer um animal cada dia mais jovem, mais bem acabado e com padrão racial mais bem definido”, afirmou.

Gonçalves ilustrou sua declaração com o engajamento de produtores em reuniões feitas com quase 70 fornecedores em unidades da indústria em Nova Andradina, Naviraí e Ponta Porã entre 23 e 25 de abril (veja fotos clicando no vídeo abaixo).

Gonçalves também destacou exemplo da produção de animais de qualidade mostrando um lote de bois Nelore castrados engordados em confinamento pela Fazenda Gauchinha, da Agropecuária Rmawi LTDA, localizada em Caarapó. Os animais foram abatidos com peso médio de 17,4@ e marcaram 81% Verde no Farol da Qualidade.

Veja a participação completa de Sérgio Gonçalves pelo vídeo:

VEJA TAMBÉM

“100% dos problemas são resolvidos através da liderança. A fazenda é sempre reflexo de seu líder imediato”, afirmou consultor no quadro Dicas do Chaker

Grupos de animais meio-sangue e Nelore foram os mais votados nas primeiras semanas do mês e se classificaram para votação a ser realizada ao fim de maio

Mega Leilão, realizado no MT, comercializou quase 20 mil animais em uma de suas etapas de 2019; entenda os desafios do transporte boiadeiro para o evento

Instabilidade vinda do Oceano Atlântico reflete em precipitações ao longo do litoral do Sudeste até a Bahia; chuvas chegarão também ao Brasil Central durante o fim de semana

Na Fazenda Conforto, em Nova Crixás-GO, propriedade do empresário Xandy Negrão, o sucesso da terminação em cocho começa a ser construído nos chamados setores de recria intensificada; entenda

Na série Embrapa em Ação, pesquisador apresenta régua de manejo de pastagem e como identificar alturas certas de entrada e saída do gado no piquete

Mega Leilão, realizado no MT, comercializou quase 20 mil animais em uma de suas etapas de 2019; entenda os desafios do transporte boiadeiro para o evento

Consultor jurídico dá dicas para proprietário não sofrer punições de órgãos ambientais responsáveis e explica o PRA, Programa de Regularização Ambiental

Na Fazenda Conforto, em Nova Crixás-GO, propriedade do empresário Xandy Negrão, o sucesso da terminação em cocho começa a ser construído nos chamados setores de recria intensificada; entenda

Fazendas em Mato Grosso do Sul e Mato Grosso foram destaques do quadro Giro pelo Brasil; confira os lotes e Farol da Qualidade.

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE