Que tipo de benfeitorias podem ser ressarcidas em um contrato de arrendamento?

02 abril 2019
sucessão

No quadro Direito Agrário exibido no Giro do Boi desta terça, 02, o advogado, professor de pós-graduação de direito agrário e ambiental, consultor jurídico e sócio-diretor da P&M Consultoria Jurídica, Pedro Puttini Mendes, falou sobre quais são os três tipos de benfeitorias que um arrendatário faz em terras arrendadas e quais delas são passíveis de serem ressarcidas pelo titular do imóvel.

A primeira delas, que não é passível de reembolso, é a voluptuária. Uma piscina, decoração de jardim, em suma, tudo o que é feito para o prazer do arrendatário. De forma geral, como não estão contempladas no contrato, o proprietário não tem a obrigação de compensar quem realizou as mudanças.

As outras duas categorias de benfeitorias são as úteis e as necessárias. Veja pelo vídeo abaixo quais os exemplos de obras destas categorias e como o arrendatário pode pedir compensação por elas.

Para o produtor que tem dúvidas sobre arrendamento, o consultor jurídico se coloca à disposição pelo e-mail contato@pmadvocacia.com.

VEJA TAMBÉM

Conheça o novo app de transmissões do Canal Rural

Aplicativo Lance Rural permite ao usuário utilizar outras funções do celular enquanto acompanha eventos como leilões, palestras, dias de campo e julgamentos, além da tv ao vivo

Qual a diferença de trato do boi meio-sangue Angus para o Brangus ⅝?

Zootecnista Alexandre Zadra explicou que quanto maior o grau de sangue europeu, mais exigente é o animal em relação à nutrição

Chove no Nordeste no fim de semana; no Sul, temporais ocorrem a partir de 2ª

CE, RN, PI e MA deverão ver chuvas com certa intensidade a partir desta 6ª; no Sudeste, precipitações podem causar transtornos no sábado

Conheça os “anjos das estrada de terra” do MT

Produtores criaram associação para socorrer veículos atolados na Estrada do Matão, que liga Pontes e Lacerda-MT à Bolívia

Que tipo de benfeitorias podem ser ressarcidas em um contrato de arrendamento?

02 abril 2019
sucessão

No quadro Direito Agrário exibido no Giro do Boi desta terça, 02, o advogado, professor de pós-graduação de direito agrário e ambiental, consultor jurídico e sócio-diretor da P&M Consultoria Jurídica, Pedro Puttini Mendes, falou sobre quais são os três tipos de benfeitorias que um arrendatário faz em terras arrendadas e quais delas são passíveis de serem ressarcidas pelo titular do imóvel.

A primeira delas, que não é passível de reembolso, é a voluptuária. Uma piscina, decoração de jardim, em suma, tudo o que é feito para o prazer do arrendatário. De forma geral, como não estão contempladas no contrato, o proprietário não tem a obrigação de compensar quem realizou as mudanças.

As outras duas categorias de benfeitorias são as úteis e as necessárias. Veja pelo vídeo abaixo quais os exemplos de obras destas categorias e como o arrendatário pode pedir compensação por elas.

Para o produtor que tem dúvidas sobre arrendamento, o consultor jurídico se coloca à disposição pelo e-mail contato@pmadvocacia.com.

VEJA TAMBÉM

Aplicativo Lance Rural permite ao usuário utilizar outras funções do celular enquanto acompanha eventos como leilões, palestras, dias de campo e julgamentos, além da tv ao vivo

Zootecnista Alexandre Zadra explicou que quanto maior o grau de sangue europeu, mais exigente é o animal em relação à nutrição

CE, RN, PI e MA deverão ver chuvas com certa intensidade a partir desta 6ª; no Sudeste, precipitações podem causar transtornos no sábado

Produtores criaram associação para socorrer veículos atolados na Estrada do Matão, que liga Pontes e Lacerda-MT à Bolívia

Modelos mais básicos de cruzamentos podem reduzir um ano do ciclo do boi, mas pecuarista deve estar organizado para intensificar tanto produção quanto gestão

Como a forrageira é de ciclo curto, pecuarista deve intensificar os tratos; veja ainda como controlar as plantas daninhas murici e capim rabo-de-burro

Zootecnista Alexandre Zadra explicou que quanto maior o grau de sangue europeu, mais exigente é o animal em relação à nutrição

CE, RN, PI e MA deverão ver chuvas com certa intensidade a partir desta 6ª; no Sudeste, precipitações podem causar transtornos no sábado

Produtores criaram associação para socorrer veículos atolados na Estrada do Matão, que liga Pontes e Lacerda-MT à Bolívia

Como a forrageira é de ciclo curto, pecuarista deve intensificar os tratos; veja ainda como controlar as plantas daninhas murici e capim rabo-de-burro

DIREITO AGRÁRIO

Participe do Giro do Boi

NEWSLETTER

Receba as notícias do Giro do Boi gratuitamente em seu e-mail

CADASTRE-SE